O que é a Dislexia?

A Dislexia é uma perturbação da aprendizagem específica de origem neurodesenvolvimental. É caracterizada por uma dificuldade nos processos de descodificação da leitura e escrita, em crianças com um funcionamento intelectual normal.

A Dislexia afeta aproximadamente 5% das crianças em idade escolar, sendo das perturbações neurodesenvolvimentais mais frequentes. A Dislexia resulta de alterações neurobiológicas na forma como cérebro processa/codifica a informação linguística e manifesta-se por alterações no domínio do processamento fonológico e noutras funções neuropsicológicas. Em face do sucessivo e marcado insucesso na aprendizagem, as crianças com esta perturbação podem ainda desenvolver um conjunto de alterações emocionais.

As crianças com Dislexia revelam significativas dificuldades na aprendizagem e desenvolvimento do mecanismo da leitura e escrita. Apresentam uma leitura pouco fluente, com diversas alterações e trocas específicas (dificuldades na leitura de palavras regulares, irregulares e pseudopalavras; défices na via fonológica e na via lexical) e dificuldades na compreensão da leitura. Na escrita surgem muitos erros ortográficos, a composição de textos é confusa em termos de organização, pouca diversidade no vocabulário utilizado, podendo apresentar uma grafia irregular.

ALGUNS SINAIS ESPECÍFICOS:
• Lentidão na aprendizagem da leitura e escrita, com dificuldades na memorização das letras e na conversão grafema-fonema.
• A fluência da leitura é significativamente abaixo do esperado para a idade.
• Presença de várias alterações e trocas aquando da leitura de palavras com diferente tipologia.
• Confusão e dificuldades na descodificação de letras ou sílabas (o-u; p-t; b-v; s-ss-ç; s-z; f-t; m-n; f-v; g-j; ch-x; x-z-j; nh-lh-ch; ão-am; ão-ou; ou-on; au-ao; ai-ia; per-pre; …).
• Escrita com muitos erros ortográficos, com trocas fonológicas e/ou lexicais.
• Dificuldades na memorização (em particular na memória verbal)
• Dificuldade na aprendizagem de novas línguas (Inglês, Francês,…).
Entre várias outras.

AVALIAÇÃO E INTERVENÇÃO:
A avaliação e intervenção na Dislexia deverá ocorrer o mais precocemente possível (idealmente durante o 1º Ciclo do Ensino Básico) e ser efetuada por profissionais especializados nesta área. Uma intervenção terapêutica atempada permite minimizar muitas das dificuldades decorrentes da Dislexia. Em algumas situações existe a necessidade da aplicação de medidas educativas especiais no contexto escolar ao abrigo do Decreto-Lei n.º 3/2008.

Tablet Adapted