Aconselhamento Psicológico em Saúde

O Aconselhamento Psicológico (Counselling) visa facilitar uma adaptação mais satisfatória da pessoa face à situação que se encontra e otimizar os seus recursos em termos de autoconhecimento, autonomia e autoajuda, aumentando assim a sua qualidade de vida.

Aconselhar não significa dar conselhos, pelo contrário, trata-se de ajudar a pessoa a compreender-se a si e à situação em que se encontra, ajudando-a assim a melhorar a sua capacidade de tomada de decisão.

O aconselhamento psicológico é diferente de um processo psicoterapêutico, na medida em que é um processo mais centrado na resolução de problemas no presente, tem uma duração mais curta e, predominantemente, é mais focado na prevenção do que no tratamento. Utiliza estratégias específicas como a psicoeducação, promovendo a literacia e informação da problemática, ajudando as pessoas a encontrarem as estratégias de coping mais eficazes através de mudanças concretas no seu comportamento, a detetar e auxiliar nas dificuldades comunicacionais ou relacionais na família e a orientar para ouros apoios especializados.

Esta consulta tem como principais objetivos:

• Ajudar na promoção e manutenção da saúde (i.e., promover estilos de vida saudáveis);

• Ajudar na prevenção da doença (i.e., aquisição de comportamentos saudáveis e/ou a redução de comportamentos de risco);

• Ajudar na adaptação à doença (i.e., confronto com a doença solicitando à pessoa esforços na adaptação a uma situação nova e exigir de modo frequente a mobilização de novos recursos para responder às exigências de uma situação nova, como por exemplo, na doença crónica);

• Ajudar na adesão a exames, tratamentos médicos e aproximação à cirurgia (i.e., promover estratégias que facilitem a adesão a procedimentos médicos indutores de stress);

• Ajudar os familiares de pessoas com problemas de saúde mental a melhor saberem lidar com a problemática em causa.