2010 abr

Diagnóstico de Depressão pode demorar cinco anos

O 1º Estudo Nacional sobre Saúde Mental concluiu que o período que vai desde o aparecimento dos primeiros sintomas de depressão até ao diagnóstico da doença pode chegar aos cinco anos.

Segundo os investigadores, os casos em que a confirmação do diagnóstico de depressão acontece no mesmo ano em que surgem os primeiros sinais são apenas 35%.

O facto de não se reconhecer os sintomas parece ser um dos factores chave na origem deste lapso de tempo. É o caso de uma dor física persistente, que pode ser, durante anos, uma das poucas manifestações da depressão.

Ao nível emocional, os sintomas da depressão são já bem conhecidos: tristeza, pessimismo, falta de auto-estima, irritabilidade e desinteresse pelas actividades do dia-a-dia. Contudo, por vezes a depressão manifesta-se fisicamente e os sintomas são facilmente confundidos com outras doenças: Dores crónicas, musculares, abdominais e cefaleias, que não respondem ao tratamento convencional, podem esconder uma depressão.

Para controlar a doença, o primeiro passo é o diagnóstico atempado, sendo fundamental tratar o paciente de uma forma global